Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de fevereiro de 2018, 17h28

Gleisi Hoffmann: “Golpe deixou 495 mil paranaenses sem emprego”

“O índice de desemprego no Paraná é o maior do sul do país, com uma taxa de 8,3%, segundo levantamento do IBGE e Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios”, diz a senadora

 

A senadora e presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, postou, em sua página non Facebook, um texto analisando dados preocupantes sobre o desemprego no país. “Quase dois anos após o golpe, só no estado do Paraná já somam 495 mil pessoas sem emprego. O índice de desemprego no Paraná é o maior do sul do país, com uma taxa de 8,3%, segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD). Rio Grande do Sul aparece na sequência com uma taxa de desocupação de 8%, e Santa Catarina fechou 2017 com 6,3%.

No Brasil, relatório do IBGE afirma que falta trabalho para 26,6 milhões de pessoas. Entre 2016 e 2017, período que coincide justamente com o golpe parlamentar, o número de pessoas sem trabalho subiu de 11,5% para 12,7%, a maior da série histórica da pesquisa, iniciada em 2012.

Vale recordar que Lula finalizou seu segundo mandato com uma queda de 45% na taxa desemprego. Já a classe média teve ganho, com um crescimento de 44% em oito anos. O número de pessoas desempregadas é um reflexo nítido de quem governa hoje”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum