Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de julho de 2019, 16h09

Glenn não confirma se hacker é sua fonte, mas sim o que ele diz: “é o que sempre dissemos”

“Ele também disse que seu primeiro contato conosco foi depois que todas as informações foram obtidas. Não estamos comentando se o suspeito é a nossa fonte, mas tudo o que foi dito pela pessoa acusada pela Polícia Federal - apesar da enorme pressão para nos acusar - é o que sempre dissemos”, afirmou

O jornalista Glenn Greenwald (Arquivo)

O editor do The Intercept Brasil, Glenn Greenwald, afirmou nas redes sociais, na tarde desta quinta-feira (25), não confirmar nem desmentir que o hacker de Araraquara, Walter Delgatti Neto, preso nesta terça-feira, é de fato a sua fonte nos vazamentos das conversas do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, com procuradores federais, entre eles Deltan Dallagnol, coordenador da Força-Tarefa da Lava Jato.

“Para ser claro, não estou afirmando que a pessoa acusada pela PF é de fato nossa fonte. Nós não comentamos sobre nossas fontes. Eu estou apenas destacando o que a pessoa que PF e @folha disseram ser a nossa suposta fonte.”

Glenn disse ainda: “Ele também disse que seu primeiro contato conosco foi depois que todas as informações foram obtidas. Não estamos comentando se o suspeito é a nossa fonte, mas tudo o que foi dito pela pessoa acusada pela Polícia Federal – apesar da enorme pressão para nos acusar – é o que sempre dissemos”.

O jornalista lembra que “’os contatos com Greenwald’, segundo o preso, ‘foram virtuais, somente pelo aplicativo de conversas Telegram, e ocorreram depois que os ataques aos celulares das autoridades já tinham sido efetuados’. Exatamente que falamos desde o começo”.

“Dada essa informação nova e verdadeira, a única maneira pela qual Bolsonaro e Sergio Moro podem criminalizar nosso jornalismo é se renunciarem a qualquer pretensão de que o Brasil ainda é uma democracia. Em nenhuma democracia está denunciando um crime”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum