Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
06 de março de 2019, 12h01

Governo Bolsonaro quer avalizar até R$ 10 bi em empréstimos de bancos privados aos Estados

Bancos privados como Citibank, Santander e JPMorgan, estão sendo sondados para, além de fazer empréstimos, também comprar títulos atrelados a recebíveis da dívida ativa e de direitos sobre royalties do petróleo

Bolsonado participa de Fórum de Governadores eleitos e reeleitos, em Brasília (Foto: Arquivo/Agência Brasil)

Reportagem na edição desta segunda-feira (6) da Folha de S.Paulo informa que o governo de Jair Bolsonaro pretende garantir até R$ 10 bilhões para bancos privados como Citibank, Santander e JPMorgan façam empréstimos aos estados.

Bolsonaro quer excluir as instituições públicas, como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, do socorro financeiro.

Segundo o secretário do Tesouro, Mansueto Almeida, os bancos privados estão sendo sondados para, além de fazer empréstimos, também comprar títulos atrelados a recebíveis da dívida ativa e de direitos sobre royalties do petróleo.

Os bancos públicos não deverão participar porque, além da restrição orçamentária do governo federal, que tenta entregar o seu próprio ajuste fiscal, eles são vedados por lei de fazer empréstimos para pagar despesas do dia a dia, como salários e fornecedores.

A União já identificou o interesse ao programa voluntário de ajuste dos estados de Rio Grande do Norte, Roraima, Mato Grosso, Goiás e Rio Grande do Sul —este último, caso não consiga aprovar na Assembleia local a autorização para fazer privatizações.

Leia a reportagem na íntegra.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum