Governo Bolsonaro quer gastar R$ 45 mil em três árvores de Natal

Presidência também pretende investir até R$ 430 mil em flores nobres, tropicais e de campo

O governo de Jair Bolsonaro abriu mais um edital de compra que chamou atenção por seu objeto e valor. A Presidência pretende gastar até R$ 45 mil em três árvores de Natal decoradas.

Segundo reportagem da revista Época, o governo também prevê o investimento de até R$ 430 mil em arranjos de flores nobres, tropicais e de campo.

A lista inclui diversos tipos, desde orquídeas, coroas fúnebres e buquês de homenagens. A justificativa do Planalto para as flores é que o local recebe “muitas personalidades” e que decoração é “protocolo”.

“A Presidência da República é um órgão que recebe muitas personalidades, como chefes de estado, delegações diplomáticas, políticos e artistas. Em certos eventos, existem protocolos e costumes a serem seguidos, como a decoração do local, utilizando-se de arranjos e flores ornamentais”, argumenta.

A nova compra de flores ocorre cerca de seis meses após um pedido semelhante feito pelo Planalto. O governo havia aberto um edital, em julho de 2020, para gastar até R$ 84 mil com flores para decorar os prédios da Presidência.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.