Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
11 de Maio de 2019, 09h17

Governo da Bahia responde em publicidade à censura de Bolsonaro ao vídeo do BB

Se para Bolsonaro a diversidade é motivo de incomodo, para o governo da Bahia é razão de orgulho; assista à campanha

O governo da Bahia divulgou na última quinta-feira (9) uma campanha publicitária em resposta à censura do presidente Jair Bolsonaro ao vídeo do Banco do Brasil (BB). Além de vetar a veiculação da peça, Bolsonaro demitiu o diretor de marketing da instituição.

O vídeo do BB que causou polêmica e incomodou o presidente valorizava a diversidade ao trazer atores e atrizes negras, jovens tatuados e com cabelos diferentes.

Se para Bolsonaro a diversidade é motivo de incomodo, para o governo da Bahia é razão de orgulho. Na campanha do estado comandado por Rui Costa (PT), com o lema “Aqui é Bahia, aqui é respeito”, representantes de diferentes segmentos sociais, negros, negras, indígenas e LGBTs compõem a homenagem à pluralidade da sociedade brasileira.

“Baiano, baiana, índio, mestiço, negro, as mina, os mano, as mona, diverso. Aqui é Bahia, aqui é respeito”, diz um trecho do vídeo, que dá protagonismo ainda a pessoas, entre outras, com síndrome de down, tatuadas ou com dreads nos cabelos.

Assista.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum