Governo do Maranhão reage a comentário homofóbico de senador do PSDB

"Somos um governo de todos e da diversidade", disse à Fórum o secretário estadual de Educação, Felipe Camarão

A Secretaria de Direitos Humanos e a Secretaria de Educação do Maranhão reagiram nesta terça-feira (26) à publicação homofóbica do senador Roberto Rocha (PSDB-MA) contra uma propaganda com influencer Alex Brito, conhecido como “Bota Pó” ou Botinha.

Notícias relacionadas

Em postagem homofóbica, já removida das redes, o tucano diz que o governo “em vez de colocar como garoto propaganda um maranhense que tenha se destacado em alguma área, preferiu colocar um jovem homossexual assumido fazendo o papel de menina” e questionou: “Qual a necessidade disso ? É apologia à homossexualidade ou não?”.

“Lamentável e cruel o posicionamento do senador Roberto Rocha que destila ódio, homofobia e transfobia contra uma adolescente maranhense”, diz trecho de nota da Secretaria de Direitos Humanos divulgada nas redes sociais.

“Ao invés de se preocupar com os problemas reais do país como a fome, a miséria e o desemprego, por exemplo, ataca a campanha da Secretaria de Educação, que valoriza uma das nossas personagens maranhenses adolescentes que é destaque no país com a sua arte, tentando jogar a população contra as políticas de educação no estado do Maranhão”, afirma.

“Botá Pó na nossa campanha estadual de Educação é uma belíssima mensagem sobre direitos humanos, inclusão, respeito e de combate a LGBTfobia aos maranhenses. Respeite, senador”, diz ainda.

Em nota enviada à Fórum, o secretário de Educação, Felipe Camarão também reagiu. “Por que não escolheríamos? Sua orientação sexual em nada fere a nossa campanha e o objetivo dela. Não aprovo a postura do senador Roberto Rocha. E até o convido a nos ajudar, dando visibilidade em suas redes para o que realmente importa, como por exemplo, divulgar a plataforma Gonçalves Dias, que tem centenas de conteúdos educativos, produzidos por professores e profissionais da rede pública do Maranhão. Somos um governo de todos e da diversidade”, afirmou o secretário.

“Temos um universo de 300 mil estudantes em nossa rede e selecionamos alguns professores e estudantes para nos ajudar nesse processo de divulgação da plataforma, diga-se de passagem, foi lançada no ano passado, para ajudar a rede com o ensino remoto. Alex Brito, conhecido no meio virtual como Bota Pó, tem 16 anos e é estudante da Rede Pública Estadual, do interior do Maranhão. Foi escolhido para estrelar a campanha por esse critério e pela sua vida dinâmica, que casa com a proposta da plataforma, em que o mote é ‘você pode estudar em qualquer lugar'”, disse ainda em nota.

Antecipação do debate eleitoral?

Além de homofóbica, a publicação de Rocha parece buscar antecipar o debate eleiroal. Pré-candidato ao governo do Maranhão em oposição a Dino, Roberto Rocha tanta ocupar o espaço do bolsonarismo nas eleições de 2022. Com o ataque, o tucano bolsonarista parece ainda mirar no secretário de Educação. Felipe Camarão é pré-candidato do PT ao governo e costura uma aliança com outros partidos da base de Dino.

Publicidade
Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e pela América Latina, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum Global

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR