O que o brasileiro pensa?
13 de fevereiro de 2020, 20h25

Governo Bolsonaro tinha agente secreto na UnB

Por meio de dados oferecidos em edital de Paulo Guedes, foi descoberto que a Abin colocou agente para espionar universidade

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Foi com “surpresa e preocupação” que a Universidade Nacional de Brasília recebeu a notícia de que um “oficial de inteligência” da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) atuava como vigilante no campus da instituição.

“A Universidade ainda está analisando as informações disponíveis a respeito do caso e avaliando as medidas cabíveis. É importante destacar que as universidades são espaços de diversidade e exercício da liberdade de expressão e de cátedra, princípios constitucionais que vigoram em um Estado democrático como o brasileiro”, escreveu a UnB em nota.

Segundo reportagem de André Barrocal, da Carta Capital, a chegada do agente à universidade aconteceu por meio dos dados oferecidos no “programa de descontos” promovido pelo Ministério da Economia, de Paulo Guedes.

Não se sabe ao certo quando o agente foi lotado na universidade, mas desde que Abraham Weintraub chegou ao Ministério da Educação, a UnB tem sido alvo do governo. Ao lado da UFF e da UFJF, ela foi uma das primeiras universidades a passar pelo corte de gastos por “balbúrdia”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum