Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
08 de janeiro de 2020, 08h47

Haddad diz que Brasil é o único país, além de Irã e EUA, a sofrer danos com conflito no Oriente Médio

Ex-prefeito diz que postura do governo de Jair Bolsonaro perante o conflito comprometeu a imagem do país no exterior

Reprodução

O ex-candidato à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), criticou nesta quarta-feira (8) a postura do governo de Jair Bolsonaro perante os ataques entre os Estados Unidos e Irã, que se itensificaram na terça-feira (7) após ataque iraniano a bases militares norte-americanas no Iraque. Para Haddad, além dos que estão diretamente envolvidos no conflito, o Brasil é o único país a sofrer danos com a ofensiva no Oriente Médio.

“Além dos diretamente envolvidos no conflito EUA-Irã, algum outro país sofreu danos além do Brasil? A imagem do Brasil no exterior, em toda sua história, nunca esteve tão comprometida. E o governo tenta se equilibrar na própria incompetência. Lastimável!”, escreveu o ex-prefeito de São Paulo no Twitter.
Poucas horas antes do contra-ataque iraniano, a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil emitiu um alerta a cidadãos estadunidenses que moram no Brasil para evitarem pontos turísticos e andarem com discrição nas ruas. A postura já indica um temor de uma possível retaliação ao país após o governo de  Bolsonaro se colocar ao lado dos EUA em meio a escalada nos conflitos com o Irã.

Segundo informações da repórter Isa Staciarini, da rádio CBN, “entre as recomendações está a de manter a discrição, ficar em alerta sobre o que acontece ao redor em locais frequentados por turistas”. A embaixada entende que as tensões no Oriente Médio podem refletir em outros países do exterior, como o Brasil.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum