Haddad: “Nada de realmente bom pode acontecer na pasta da Cultura sob Bolsonaro”

Para o ex-prefeito de SP, apesar das demissões de olavistas por Regina Duarte, governo continua sendo "estruturalmente" contra a liberdade e criatividade

O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), foi às redes sociais nesta quarta-feira (4) para criticar o governo de Jair Bolsonaro, especialmente suas ações na secretaria de Cultura. Para Haddad, apesar das recentes demissões de olavistas, “nada de bom” pode acontecer na pasta.

“Nada de realmente bom pode acontecer na pasta da Cultura sob Bolsonaro. Seu governo é estruturalmente contra qualquer manifestação de liberdade e criatividade”, escreveu o ex-prefeito.

Após passar 45 dias em hotéis de luxo de Brasília “estagiando” no governo Regina assume nesta quarta-feira (4) a secretaria da Cultura. Antes de assumir o posto, a atriz demitiu seis olavistas que foram nomeados pelo ex-secretário, Roberto Alvim, em cargos comissionados e permaneceram nos cargos mesmo com demissão do diretor teatral após apologia ao nazismo.

Com isso, nomes ligados ao governo, como militares e o chefe da Secom, Fabio Wajngarten, vão tutelar a atriz e sugerir nomes para a Cultura. Nesta terça-feira (3), ela foi “fortemente desaconselhada” a responder o guru do bolsonarismo, Olavo de Carvalho.

Confira:

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR