Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de fevereiro de 2020, 19h03

Haddad: Quem sabe Bolsonaro lê um livro do Paulo Freire e alfabetiza seu ministro

Ex-prefeito celebrou a vitória da Águia de Ouro no Carnaval 2020 de São Paulo

Foto: Eduardo Matysiak

O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), usou a vitória da escola de samba Águia de Ouro no Carnaval 2020 paulista para ironizar o ódio do presidente Jair Bolsonaro ao educador Paulo Freire. A escola vencedora homenageou o patrono da educação brasileira em seu desfile deste ano.

“Quem sabe o Bolsonaro se anima, lê um livro do Paulo Freire e alfabetiza seu ministro. Parabéns Águia de Ouro: campeã do Carnaval 2020 de São Paulo”, escreveu Haddad, em referência ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, famoso por cometer erros de português nas redes sociais.

Sob o tema “O Poder do Saber – Se saber é poder… quem sabe faz a hora, não espera acontecer”, a Águia de Ouro contou a história da evolução do conhecimento humano. Um dos setores foi dedicado especialmente à educação, com um carro em formato de escola que prestava homenagem a Paulo Freire através da frase do educador “não se pode falar de educação sem amor”.

Apesar de seu reconhecimento internacional, o educador é constantemente atacado pelo clã Bolsonaro. Em um dos ataques mais recentes, durante transmissão ao vivo nas redes sociais em janeiro, o presidente Jair Bolsonaro e seu ministro da Educação, Abraham Weintraub, comentaram sobre os resultados do Brasil no último ranking do Pisa, que avalia a qualidade da educação em diferentes países do mundo, e culparam o ex-presidente Lula pela colocação brasileira.




Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum