“Hitlerista” que ameaçou primeira vereadora negra em Joinville é alvo de operação da polícia

Jovem de 22 anos, que mora com a mãe, diz fazer parte da "juventude hitlerista" e ameaçou de morte Ana Lúcia Martins, do PT. "Só falta a gente matar ela e entrar o suplente que é branco”

A polícia civil de Joinville, em Santa Catarina, realizou uma operação de busca e apreensão na casa de um jovem de 22 anos, que se diz ligado à “juventude hitlerista” é o principal suspeito de ameaçar de morte Ana Lúcia Martins, do PT, primeira vereadora negra eleita na cidade.

Segundo informações do site NSC Total, a ação da polícia aconteceu na casa do jovem, que não teve a identidade revelada e mora com a mãe, no bairro Paranaguamirim, zona Sul de Joinville. Ele foi interrogado e liberado pois não houve flagrante.

Segundo a delegada Cláudia Lopes Gonzaga, titular da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (Dpcami), o rapaz tem problemas psiquiátricos.

“Ele tem esquizofrenia, então provavelmente ele vai passar por procedimento em sanidade. A atuação será em conjunto com o Ministério Público para comprovar autuação”, disse a delegada, ressaltando que os equipamentos apreendidos vão passar por perícia.

Ameaça de morte
Ana Lúcia usou suas redes sociais para denunciar os ataques nesta quarta-feira (18) e informou que, desde a noite de domingo, logo após a apuração, já teve suas redes sociais invadidas – problema que foi contornado por sua equipe. Depois, teria sido alvo de uma reação “violenta” de um radialista da cidade e, mais recentemente, nesta terça-feira (17), passou a ser alvo de ameaças de morte feitas por um perfil fake que se diz ligado a uma “juventude hitlerista” de Santa Catarina.

“Sabia que não seria fácil. Estava ciente que enfrentaria uma certa resistência em uma cidade que elegeu apenas na segunda década do século XXI a primeira mulher negra. Só não esperava ataques tão violentos”, disse a vereadora eleita.

Entre as ameaças recebidas pela petista, estão mensagens como “agora só falta a gente matar ela e entrar o suplente que é branco” e “os fascistas mandaram avisar que ela que se cuide”.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.