O que o brasileiro pensa?
03 de julho de 2020, 11h19

Ibaneis é indiciado pela PF por usar recursos de “laranjas” em sua campanha eleitoral

De acordo com investigação, os prestadores de serviços declarados nas contas de duas candidatas trabalharam, na verdade, para Ibaneis, que não informou as despesas

Reprodução/Twitter

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB-DF), foi indiciado pela Polícia Federal (PF) por crime eleitoral de omissão na sua prestação de contas em 2018, em esquema de candidatas laranjas.

Relatório da PF aponta que recursos destinados a duas mulheres foram usados para pagar militância de rua de Ibaneis. As duas receberam e declararam cerca de R$ 1,08 milhão em suas prestações de contas.

De acordo com a investigação, os prestadores de serviços declarados nas contas das duas trabalharam, na verdade, para Ibaneis, que não informou as despesas.

As candidatas do MDB, Kadija e Psicóloga Dolores Ferreira, declaram em suas candidaturas, R$ 798 mil com gastos de atividades de rua. A PF, no entanto, afirma que “grande parte” deste dinheiro foi “para pagamentos de prestadores de serviços de militância de rua que declararam que trabalharam, em sua maioria, para o candidato majoritário Ibaneis Rocha”.

Kadija teve 403 votos e Psicóloga Dolores teve 551.

Os recursos, em sua maioria, mais de R$ 700 mil, saíram de cofres públicos, do fundo partidário e do fundo eleitoral. Foram enviados a elas pelos diretórios nacional e estadual/distrital. O presidente do MDB à época era Romero Jucá.

Ibaneis foi indiciado com base em dois artigos do Código Eleitoral, 350 e 353: omissão ou declaração falsa para fins eleitorais. A pena para estes crimes é de reclusão até cinco anos e multa. Ele negou as irregularidades em depoimento à Polícia Federal (PF). O caso ainda não foi analisado pela Justiça.

O governador informou, através de sua assessoria, que suas contas de campanha foram aprovadas pela Justiça Eleitoral. Ele disse ainda ter informado à PF que não era dirigente ou gestor do partido e, portanto, não tinha responsabilidade sobre a nominata de candidatos.

Com informações do Painel, da Folha


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum