Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de junho de 2019, 08h33

Imprensa espanhola divulga que militar preso era da comitiva de Bolsonaro e traficava 39 quilos de cocaína

Militar detido na Espanha levava 39 quilos de cocaína. O destino final da comitiva, que fez escala na Espanha, era o Japão, onde Bolsonaro participa da cúpula do G-20

O militar da aeronáutica detido no aeroporto de Sevilla nesta terça-feira (25) carregava 39 quilos de cocaína em avião da FAB usado em comitiva do presidente Jair Bolsonaro em viagem ao Japão. O homem, um sargento de 38 anos, segue detido pela guarda civil espanhola.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Segundo a rede RTVE, a guarda civil deteve o militar após verificar que ele carregava 39 quilos de cocaína distribuídos em 37 tabletes em sua bagagem. O destino final da comitiva, que fez escala na Espanha, era o Japão, onde Bolsonaro participa da cúpula do G-20 pela primeira vez.

Ao comentar sobre o caso, Bolsonaro apenas disse que o ministério da Defesa vai colaborar com as autoridades espanholas.

O avião do presidente também faria escala em Sevilla e após a divulgação deste fato a rota foi alterada para Lisboa. Enquanto isso acontecia, o ministro Sérgio Moro divulgava sua agenda afirmando estar nos EUA discutindo no Departamento de Estado Americano (DEA) como diminuir o tráfico de drogas no Brasil.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum