Incêndios na Amazônia podem dificultar acordo entre União Europeia e Mercosul

Presidente da França é favorável a suspender negociações por conta de Jair Bolsonaro

No primeiro dia do encontro do G7, reunião dos países mais ricos do mundo, que ocorre em Biarritz, na França, o principal assunto foi os incêndios que estão ocorrendo na Floresta Amazônica nos últimos dias. A questão ambiental enfrentada pelo Brasil, pode ser decisiva para o futuro econômico de toda a América do Sul.

O presidente francês Emanuel Macron vê com muita preocupação as posições tomadas pelo governo brasileiro em relação a Amazônia e avalia uma possível suspensão de acordos comercias entre a União Europeia e o Mercosul. “Devemos responder ao apelo da floresta, da Amazônia, nosso bem comum. Então vão agir”, afirmou Macron, em pronunciamento na TV.

A França tem elevado o tom contra o Brasil por conta da questão ambiental. Macron já chegou a afirmar que Jair Bolsonaro mente sobre seus compromissos climáticos e a falta de ação para combater o fogo na floresta.

Reino Unido, Alemanha e Estados Unidos estão mais cautelosos em relação a não fechar acordos com o Mercosul por conta da Amazônia. O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, diz que o momento econômico mundial não permite que acordos deste tipo possam ser deixados de lado. “Acho eu seria relutante nesse momento tão difícil para o livre-comércio mundial”.

Por outro lado, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, diz que é muito difícil ratificar algum acordo enquanto o Brasil permite a destruição da floresta.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR