Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de janeiro de 2019, 10h22

Influente sobre o marido, Michelle Bolsonaro emplaca amiga em secretaria da pessoa com deficiência

De volta à Brasília - onde conheceu Jair Bolsonaro, quando trabalhou como assessora parlamentar -, Michelle levou um grupo de amigos da Igreja Batista para fazer um tour pelo Palácio do Planalto logo no primeiro dia de casa nova.

Foto: Agência Brasil

O discurso em libras realizado antes do marido, Jair Bolsonaro (PSL), no parlatório do Palácio do Planalto no dia da posse presidencial mostrou que Michelle Bolsonaro será mais que primeira-dama em Brasília.

Veja o vídeo: “Pessoa que tem acesso livre no congresso, no Palácio, não tem limites”, diz amiga de Michelle Bolsonaro em tour pelo Palácio do Planalto

Segundo reportagem de Bela Megale, na edição deste domingo (6) do jornal O Globo, Michelle emplacou nomes na Esplanada, como Priscila Gaspar na Secretaria Nacional da Pessoa com Deficiência, subordinada ao Ministério dos Direitos Humanos. Além dela, outros surdos ocuparão postos no Ministério da Educação graças a Michelle, de acordo com a jornalista.

De volta à Brasília – onde conheceu Jair Bolsonaro, quando trabalhou como assessora parlamentar -, Michelle levou um grupo de amigos da Igreja Batista para fazer um tour pelo Palácio do Planalto logo no primeiro dia de casa nova. As amigas também estiveram na Granja do Torto e participaram de todo o cerimonial de posse de Jair Bolsonaro.

Veja também:  Para Glenn, proteção a Guedes expõe caráter partidário e corrupto da Lava Jato

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum