Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
07 de outubro de 2018, 22h05

Já no segundo turno, Haddad diz que já conversou com Ciro, Marina e Boulos

Em pronunciamento, candidato do PT se mostrou confiante com relação à disputa do segundo turno e afirmou que as marcas de seu eventual governo serão soberania nacional, soberania popular e justiça social. Assista

Foto: Ricardos Stuckert

Com vaga garantida no segundo turno da eleição para a presidência, o candidato do PT, Fernando Haddad, fez um pronunciamento na noite deste domingo (7) em que se mostrou confiante para a disputa com Jair Bolsonaro (PSL).

O petista disse, inclusive, que já mantém conversas com Ciro Gomes (PDT), Guilherme Boulos (PSOL) e Marina Silva (Rede), que devem apoiá-lo. “Precisamos unir as pessoas que tem atenção aos mais pobres”, afirmou.

De acordo com Haddad, seu eventual governo será marcado pela soberania popular e soberania nacional. “São conceitos indissociáveis”, pontuou. “Queremos um projeto amplo, democrático, e que busque de forma incansável a justiça social”, completou o ex-prefeito.

Haddad disse ainda que vencerá a eleição com argumentos e que, diferente de seu adversário, não tem porte de arma. “Nossa principal arma é nosso projeto”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum