Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de janeiro de 2020, 18h29

Janaína Paschoal: “O preço da pinga no Brasil é um problema de saúde pública”

Deputada estadual por São Paulo defendeu a tese de Paulo Guedes de implantar o “imposto do pecado”, que incidiria sobre cigarros, bebidas alcoólicas e produtos com adição de açúcar

Janaína Paschoal - Foto: Alesp

A deputada estadual bolsonarista Janaína Paschoal (PSL-SP) publicou uma série de tuites para denunciar os malefícios da prática do narguilé. No entanto, ela acabou se empolgando e postou que “o preço da pinga no Brasil é um problema de saúde pública”.

A origem das mensagens foi porque ela resolveu comentar que recebeu um grupo de pesquisadores, que foram apresentar um estudo de campo referente ao uso do narguilé. “Os pesquisadores são da área de Enfermagem e, por isso, trouxeram a proposta de criar uma lei, visando à desinfecção dos narguilés”.

Em seguida, Janaína defendeu a tese do ministro da Economia, Paulo Guedes, que afirmou, durante painel no Fórum Econômico de Davos, na Suíça, que a sua equipe estava considerando a implantação de um “imposto do pecado”, que incidiria sobre cigarros, bebidas alcoólicas e produtos com adição de açúcar, ideia descartada depois por Jair Bolsonaro.

Álcool e tabaco

“Aproveito o ensejo para dizer que a proposta do Ministro Guedes, de elevar os impostos sobre álcool e tabaco está em consonância com as boas políticas preventivas. Há anos, o tema é debatido em Congressos Médicos. O preço da pinga no Brasil é um problema de saúde pública”, tuitou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum