Janot decide se filiar ao Podemos, o partido da Lava-Jato, e deve sair candidato

O ex-PGR sonha em concorrer por Minas Gerais, mas tem recebido conselhos para mudar seu domicílio eleitoral para o Distrito Federal

O ex-Procurador-Geral da República (PGR), Rodrigo Janot, finalmente se decidiu. Também vai se filiar ao Podemos e ser candidato. Ele não sabe ainda se vai concorrer à Câmara ou ao Senado.

Janot sonha em concorrer por Minas Gerais, mas tem recebido conselhos para mudar seu domicílio eleitoral para o Distrito Federal. 

O ex-juiz Sérgio Moro também se filiou ao Podemos e anunciou sua pré-candidatura à Presidência. Além dele, o ex-procurador, Deltan Dallagnol, flagrado em conversas ilegais com Moro, também prometeu se filiar ao partido no mês que vem.

Vice no diretório

Certidão apresentada à Justiça Eleitoral coloca Dallagnol como membro do Órgão Provisório que dirige o Podemos mesmo antes de evento de filiação. O ex-procurador aparece como segundo vice-presidente, um cargo abaixo do ex-juiz Sergio Moro.

A Certidão de Composição do Podemos do Paraná mostra que Dallagnol está filiado ao partido, pelo menos, desde 19 de novembro. A composição mostra que o procurador exerce uma função que funciona praticamente como vice de Sergio Moro, com quem atuou em conjunto de forma ilegal na Operação Lava Jato, conforme mostram conversas da Operação Spoofing.

Enquanto Moro exerce a vice-presidência do diretório do Podemos, Dallagnol ocupa a segunda vice-presidência. O presidente do partido é o ex-deputado estadual César Silvestri Filho.

Vice de Moro?

O general de reserva Carlos Alberto Santos Cruz, que se tornou um crítico contumaz do governo Bolsonaro, também se filiou na última quinta-feira (25) ao Podemos.

A filiação de Santos Cruz foi realizada no Windsor Brasília Hotel, em Brasília. O evento contou com a participação de Moro, do senador Alvaro Dias (PR) e da deputada federal Renata Abreu (SP).

Publicidade

Notícias relacionadas

Com informações da coluna de Lauro Jardim

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.