#Fórumcast, o podcast da Fórum
26 de setembro de 2019, 22h57

Janot insinua que Moro protegeu Cunha, como Lula disse acreditar em entrevista à Fórum

Ex-procurador, que revelou ter ido armado ao STF para matar Gilmar Mendes, disse ainda que se decepcionou de ter delegado delações a Moro e sugeriu, assim como Lula afirmou à Fórum, que o ex-juiz protegeu Eduardo Cunha: "Inquérito estava muito ruim"

Reprodução

Longe da Procuradoria-Geral da República desde 2017, Rodrigo Janot resolveu, esta semana, disparar revelações bombásticas. Além de ter revelado ao Estadão que foi armado ao Supremo Tribunal Federal (STF) com o objetivo de assassinar o ministro Gilmar Mendes, o ex-PGR insinuou à Veja que o ex-juiz Sérgio Moro protegeu o ex-deputado federal Eduardo Cunha, preso pela operação Lava Jato.

Janot revelou que se arrependeu de ter delegado delações a Moro e disse que o inquérito contra Cunha “estava muito ruim”. “No início da operação, a força-­tarefa de Curitiba pediu que eu delegasse a ela o direito de fechar as primeiras colaborações premiadas. Deleguei e me arrependi. As delações do Paulo Roberto Costa e do Alberto Youssef estavam muito rasas. O primeiro inquérito contra o então presidente da Câmara, Eduardo Cunha, também estava muito ruim. Questionei a respeito. Recebi como resposta que o objetivo deles era ‘horizontalizar as investigações, e não verticalizar’. Achei estranho. Determinadas decisões poderiam estar sendo tomadas com objetivos políticos?”, questionou.

A sinalização de Janot de que Moro protegeu Cunha vai na mesma linha da tese aventada pelo ex-presidente Lula em entrevista à Fórum. O petista disse acreditar que o atual ministro da Justiça, enquanto juiz, tenha estabelecido algum tipo de acordo com o ex-presidente da Câmara. “É muito estranho que você prenda o presidente da Câmara e você não tenha forçado para ele fazer uma delação como forçaram os outros, e você não tenha pego o celular, porque todo mundo deu o celular. Então. eu não consigo entender. Mas eu acho que ele tem que explicar para a Suprema Corte”, afirmou.

A declaração de Janot sobre Cunha faz parte de uma reportagem da revista Veja que vai às bancas neste final de semana.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum