sábado, 19 set 2020
Publicidade

Joice Hasselmann bate-boca com Bia Kicis e dispara contra bolsonaristas do PSL: “Dão chiliques infantis”

A implosão do PSL causada por Jair Bolsonaro continua gerando acaloradas discussões públicas entre os membros da legenda. Nesta segunda-feira (16), Bia Kicis (PSL-DF) voltou a bater boca com Joice Hasselmann (PSL-SP), nomeada líder da sigla no Congresso. Desta vez pelo Twitter.

Bolsonarista, Kicis acusou Joice de “tirania” por supostamente proibir o deputado Guiga Peixoto (PSL-SP) de usar os serviços do fotógrafo do partido.

“Um deputado do PSL @guigapeixoto10 foi esta manhã na liderança do Partido p/ tirar uma foto com os fotógrafos do partido mas foi informado que isso seria possível mediante expressa autorização da líder @joicehasselmann. A tirania chegou por aqui!”, tuitou Kicis, dizendo que o fato era “um total abuso”.

Joice comentou na publicação da colega de partido, apontando que houve “má-fé” da bolsonarista, que estaria equivocada.

“Determinei organização na liderança para q TODOS os 53 sejam atendidos e não só meia-dúzia como antes. Basta marcar. O nome disso EFICIÊNCIA. Como líder, sempre vou lutar para atender a todos”.

Em sua página, Joice mandou indiretas para os colegas de sigla que, segundo ela, “dão chiliques infantis”.

“Caros, há alguns deputados do PSL q ainda Ñ aprenderam a dialogar, a aceitar regras, leis, estatuto, q tem agido de forma descompensada e até mentirosa. Dão chiliques infantis, inventam expulsões e perseguições q não existem e chegam a atingir servidores do partido. Uma vergonha”, tuitou.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.