Fórumcast #19
14 de setembro de 2018, 17h44

Lewandowski pede vista e julgamento de recurso de Lula recomeçará

A defesa do ex-presidente apresentou uma petição que questiona a prisão do petista; após sete votos contra Lula no plenário virtual, ministro pediu vistas e julgamento agora terá que ser presencial

Foto: Carlos Moura/STF

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, pediu vista nesta sexta-feira (14) no julgamento em plenário virtual de um recurso da defesa de Lula que pede a liberdade do ex-presidente.

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) já tinha votado contra Lula.  Até agora, foram sete votos rejeitando a petição dos advogados do petista que questiona a ordem de prisão após julgamento em segunda instância sem que as possibilidades de recursos em instâncias superiores estivessem esgotadas. Somente o ministro Marco Aurélio votou a favor de Lula.

Faltam ainda três ministros para votar mas, com o pedido de vista de Lewandowski, o julgamento terá que ser retomado do início de forma presencial. Ainda não há data definida para a nova análise.

A petição da defesa do ex-presidente são os chamados embargos de declaração que questionam o entendimento da Corte na sessão, em abril, em que foi negado o habeas corpus ao petista, permitindo assim sua prisão.

 

Veja também:  Lula: "Se bater Dallagnol e Moro no liquidificador, o suco não dá 10% da minha honestidade"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum