Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
30 de novembro de 2018, 09h33

Justiça considera improcedente ação para impedir filha de Dilma de dispor de segurança oficial

Juiz alegou que “há expressa previsão legal de que haja o transporte institucional dos familiares do presidente” devido ao aumento do risco “em razão da maior exposição pública”

Foto Lula Marques/Agência PT

De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo, a ex-presidente Dilma Rousseff venceu ação que pedia que ela devolvesse à União os custos com segurança e carros oficiais usados por sua filha, Paula, e o marido dela, Rafael Covolo.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

O juiz Leandro Cacau Santos La Bradbury, da 2ª Vara Federal de Florianópolis, julgou a ação popular improcedente. Na sentença, o juiz afirma que a “data da cessação do transporte institucional da ex-presidente, bem como de seus familiares, coincidiu com a data de seu impeachment”.

Bradbury destaca ainda que “há expressa previsão legal de que haja o transporte institucional dos familiares do presidente” devido ao aumento do risco “em razão da maior exposição pública”.

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum