O que o brasileiro pensa?
25 de novembro de 2019, 07h08

Lava Jato sabia desde 2016 de acusação que levou ex-presidente da Braskem à prisão nos EUA por caixa 2

A acusação contra Grubisich está no acordo de leniência da Braskem firmado em 2016 com o MPF. Reconhecimento da informação poderia mudar a ação contra Odebrecht

Reprodução

O Ministério Público Federal (MPF) ignorou uma delação feita em 2016 contra o ex-presidente da Braskem, José Carlos Grubisich, acusado de fazer caixa dois na empresa. No entanto, ele foi preso na semana passada, em Nova York, pelo mesmo motivo.

A acusação contra Grubisich está no acordo de leniência da Braskem – empresa que a Odebrecht mantém em sociedade com a Petrobras – firmado em dezembro de 2016 com o MPF. Nos Estados Unidos, o executivo foi denunciado pelo DoJ (Departamento de Justiça americano, na sigla em inglês) em fevereiro deste ano, mas teve sua prisão decretada apenas na última quarta-feira (20) ao entrar no país.

De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, uma denúncia dessa natureza poderia levar a questionamentos sobre a ação penal que condenou Marcelo Odebrecht em 2016, acusado pela Lava Jato de negociar propinas da Braskem com a Petrobras em troca de contratos.

Acatar a denúncia contra Grubisich também poderia colocar em xeque parte dos argumentos usados para a condenação do empresário e embasar questionamentos sobre a permanência de seu caso sob o escopo da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba. Por decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), apenas denúncias ligadas à Petrobras poderiam ficar com a Lava Jato de Curitiba.

Em resposta, a força-tarefa alega que o volume de informações obtido com os acordos de leniência é muito grande e que cada investigação tem um ritmo.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum