Fórumcast #19
26 de janeiro de 2018, 09h43

“Lei da Ficha Limpa pode até ajudar Lula a concorrer”, afirma Flávio Dino

O governador do Maranhão, que foi um dos autores da Lei da Ficha Limpa enquanto era deputado, disse que a lei “ajuda” e não atrapalha o ex-presidente, pois há “uma cláusula de escape em caso de perseguição”.

O governador do Maranhão, que foi um dos autores da Lei da Ficha Limpa enquanto era deputado, disse que a lei “ajuda” e não atrapalha o ex-presidente, pois há “uma cláusula de escape em caso de perseguição”.

Da Redação*

Um dos autores da Lei da Ficha Limpa, quando era deputado em 2010, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), disse que a lei “ajuda” e não atrapalha o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – que, após ter sido condenado em segunda instância, pode ser considerado inelegível. Dino disse que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) condenou Lula em um “julgamento claramente politizado” e acusou os desembargadores de terem fixado penas “casuísticas”. As informações são de Cristiane Jungblut, de O Globo.

Dino disse que continua a defender a Lei da Ficha Limpa e contou que ele e o então deputado José Eduardo Cardozo, relator da proposta, incluíram um trecho que funciona como uma brecha e agora poderá ser usado por Lula. A lei prevê que o condenado possa apresentar recurso junto ao STF ou STJ, pedindo a suspensão da inelegibilidade “sempre que existir plausibilidade da pretensão recursal”.

Veja também:  No Zorra, da Globo, Bolsonaro instala a “Comissão da Minha Verdade” e sai com bigode de Hitler

“Não tem contradição. Acho que a Lei da Ficha Lima protege o presidente Lula. Colocamos uma cláusula de escape em caso de perseguição. Não há um paradoxo, porque a lei bem aplicada garante o direito do presidente Lula, o direito de concorrer”, destacou Flávio Dino.

*Com informações de O Globo e do Brasil 247

Foto: Gilson Teixeira/Divulgação


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum