O que o brasileiro pensa?
14 de janeiro de 2020, 22h05

Leitores da Fórum enviam perguntas para Moro no Roda Viva; confira

Questões foram enviadas através das redes sociais e serão transmitidas à produção do programa; confira algumas delas

O ministro Sérgio Moro (Foto: Lula Marques)

A Fórum pediu aos leitores que mandassem perguntas ao ministro Sérgio Moro, que estará no Roda Viva da próxima segunda-feira (20). Milhares de questões foram enviadas e as melhores delas serão retransmitidas à produção do programa de entrevistas da TV Cultura.

Confira algumas das indagações.

 

  • Diante de tudo o que já se sabe (via Vaza Jato), ao explicar para uma turma de primeiro ano de direito, como classificar seus atos como juiz e qual a validade, no aspecto legal/objetivo e também moral, de um suposto combate à corrupção que é feito com atos, sistemáticos, de ilegalidade e destruição/distorção dos preceitos judiciais? (Gustavo Henrique Ferreira)

 

  • Por que não entregou o celular público que não era do senhor pra acareação? (Jane Machado)

 

  • Como você entende a palavra imparcialidade? (Roberta)

 

  • Como o sr. avalia as relações próximas e comprovadas da família Bolsonaro com as milícias do RJ? (Andreia)

 

  • Qual é a sua impressão sobre Olavo de Carvalho, e o que você acha da influência dessa figura no governo? (André Luis)

 

  • Você não tem medo de entrar para a história como um juiz que poderia ter feito a diferença mas se corrompeu pela sede de poder? (Karla)

 

  • O Sr divulgou um áudio ilegal da ex. Presidente Dilma em conversa com o Ex. Presidente Lula em horário nobre, gravado fora do horário estabelecido, porém ilegal, justificando que era de interesse público. E após suas conversas instruindo o MP, obtidas sem autorização, porém ilegal, saírem no horário nobre, mostrando um Juiz, que deveria ser imparcial, mancomunando com o MP sobre processos da Lava Jato, dizendo como agir, porém ilegal também, o Sr veio a público dizendo que era crime. Então o Sr está assumindo que também cometeu um crime ao orientar o MP contra o Ex presidente Lula? (Anderson)

 

  • Porque abandonou 22 anos na magistratura federal, estabilidade, vitaliciedade, garantias e mais vantagens, para ser político? As condutas dos políticos que investigou o inspirou? (Ana Rafaela)

 

  • Se o senhor fosse acusado de receber um apartamento de alguém por convicção dos promotores do MP, mas sem provas concretas de que o imóvel fosse evidentemente seu, aceitaria sentença igual a proferida pelo senhor imposta por juiz com base em “atos indeterminados de ofício”? (Marcos Thadeu) 

 

  • O Brasil gostaria de saber sobre o caso do Banestado, onde Sérgio Moro atuou como juiz! O caso do Banestado foi, sem dúvida alguma, o maior caso de corrupção no Brasil, onde estava envolvido o presidente da República Fernando Henrique Cardoso e o doleiro Youssef, onde foi desviado dos cofres públicos bilhões, e num acordo suspeito Sérgio Moro diminuiu a condenação do doleiro Youssef para prisão domiciliar. A minha pergunta para Sérgio Moro é a seguinte: onde foi parar o dinheiro desviado no caso Banestado, porque o doleiro Youssef teve a sentença reduzida e porque ninguém do PSDB foi preso? (Chalmers)

 

  • O senhor teria coragem de passar pelo detector de mentiras? (Sheila)

 

  • Quando irá abrir o próprio sigilo telefônico e bancário do período em que atuava na Lava Jato, para provar que não cometeu nenhum dos crimes apontados por Tacla Duran e pela série de reportagens do Intercept? (Helio)

 

  • Quantos réus você absolveu para diluir o percentual de condenações na primeira instancia da Lava Jato, antecipando que a oitava turma do TRF-4 reformaria sua decisão e os condenaria? (Mateus)

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum