Lewandowski manda juiz da Operação Spoofing encaminhar perícias ao STF

A 10ª Vara Federal Criminal de Brasília é responsável pela ação penal que se refere à operação, por meio da qual a PF apura mensagens trocadas por procuradores da Lava Jato

Ricardo Lewandowski, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou, nesta quarta-feira (14), que o juiz da 10ª Vara Federal Criminal de Brasília encaminhe ao STF documentos referentes a perícias feitas durante a Operação Spoofing. O juízo tem cinco dias úteis para cumprir a determinação.

A vara é responsável pela ação penal que se refere à operação, por intermédio da qual a Polícia Federal (PF) apura as mensagens obtidas por hackers e trocadas por procuradores da Lava Jato.

Lewandowski, em sua decisão, decidiu pelo envio dos seguintes documentos: cópia da perícia conclusiva englobando todo o material apreendido; cópia do relatório final produzido pelo delegado da Polícia Federal que presidiu o respectivo inquérito policial; e cópia da denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal nos autos da ação penal em questão.

Com informações do Conjur

Avatar de Lucas Vasques

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.