Fórumcast #20
05 de abril de 2019, 14h07

Líder do Bonde do Tigrão é contra reforma: “Tenho que fechar com o deputado, ele está defendendo o povo”

"Realmente, tem gente que não consegue nem colocar comida em casa, que dirá economizar dinheiro para pagar a aposentadoria", disse Leandrinho sobre a reforma da Previdência

Leandrinho, do Bonde do Tigrão, Paulo Guedes e Bolsonaro (Montagem)

Único remanescente da formação original do Bonde do Tigrão, que lançou o hit “Tchu Tchuca” nos anos 90, o cantor Leandro Dionísio, o Leandrinho, disse a Felipe Rebouças, nesta sexta-feira (5) no jornal O Dia, que é contra a reforma da Previdência proposta por Paulo Guedes, ministro da Economia de Jair Bolsonaro, que ganhou o apelido de “tchutchuca dos banqueiros” após troca de farpas com o deputado Zeca Dirceu (PT/PR) na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

“Tenho que fechar com o deputado, ele está defendendo o povo”, disse.

Leandrinho disse que paga a previdência privada desde os 21, mas que conhece uma série de pessoas na própria família, todos moradores da Cidade de Deus, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, que não têm condições de poupar dinheiro ao fim de cada mês.

“Realmente, tem gente que não consegue nem colocar comida em casa, que dirá economizar dinheiro para pagar a aposentadoria”, afirma o cantor.

Veja também:  Carlos Bolsonaro divulga que Doria comprou jatinho de R$ 44 milhões com recursos do BNDES

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum