Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de março de 2019, 10h14

Lobão ataca Bolsonaro e diz que ter saudades da ditadura é estupidez

“Hoje, dão indenização para quem sequestrou embaixadores e crucificam os torturadores que arrancaram umas unhazinhas”, disse certa vez o cantor

Foto: Reprodução

O Lobão, aquele mesmo que foi roqueiro de algum sucesso há 30 anos e depois se bandeou pra direita, ressurgiu das cinzas e foi parar nos Trend Topics do Twitter, nesta quarta-feira (27).

O cantor afirmou, em vídeo publicado nesta terça-feira, que “ter saudades de um regime desses (a ditadura) é de uma estupidez que revela exatamente aquilo que eu tenho falado sobre a direita. A gente não pode glorificar expedientes sombrios”, disse.

Apesar de não citar em momento algum o nome, Lobão faz evidentes críticas ao presidente Jair Bolsonaro e sua determinação de instruir o Ministério da Defesa a fazer as ‘comemorações devidas’ pelo aniversário do golpe que deu início à ditadura no país, em 31 de março de 1964.

O cantor já havia se notabilizado, em 2011, por minimizar a ditadura, durante o Festival da Mantiqueira, ocorrido na cidade de São Francisco Xavier (SP): “Há um excesso de vitimização na cultura brasileira… Essa tendência esquerdista vem da época da ditadura. Hoje, dão indenização para quem sequestrou embaixadores e crucificam os torturadores que arrancaram umas unhazinhas”, disse na ocasião.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum