Lula, Dilma, Mujica e outras figuras globais constroem primeira Internacional Progressista

Iniciativa está sendo organizada na América Latina pelo Grupo de Puebla, e foi discutida em reunião por vídeo conferência transmitida ao vivo pela Fórum, nesta segunda – acompanhe aqui o encontro na íntegra

Está nascendo a primeira Internacional Progressista, organização política que envolve diversos movimentos políticos e sociais de esquerda de todo o mundo, cujo desafio é criar uma resposta global coordenada ao crescimento da extrema-direita no mundo.

Na videoconferência promovida nesta segunda-feira (18) pelo Grupo de Puebla (organização que está liderando, na América Latina, os trabalhos para a conformação da entidade global), participaram grandes figuras globais, três delas brasileiras: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a ex-presidenta Dilma Rousseff e o ex-chanceler Celso Amorim.

Mas a reunião contou com muitas outras figuras de destaque, como o atual presidente da Argentina, Alberto Fernández; o ex-presidente do Uruguai, Pepe Mujica; o ex-presidente da Bolívia, Evo Morales; o ex-presidente do Paraguai, Fernando Lugo; o ex-presidente do Equador, Rafael Correa; o ex-presidente do governo espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero; o juiz espanhol Baltasar Garzón e o economista estadunidense e Prêmio Nobel de Economia, Joseph Stiglitz.

Outros grandes nomes que participam dessa iniciativa, mas que não participaram da reunião, são o político estadunidense Bernie Sanders, o filósofo estadunidense Noam Chomsky, a jornalista e escritora canadense Naomi Klein, o economista grego Yanis Varoufakis, o ator mexicano Gael García Bernal, entre outros.

A TV Fórum transmitiu a reunião de hoje, moderada pelo chileno Marco Enríquez-Ominami (ex-candidato presidencial), e pela mexicana Alicia Bárcena Ibarra (secretária-executiva da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe – Cepal). A íntegra do encontro pode ser vista aqui:

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.