O que o brasileiro pensa?
23 de novembro de 2018, 17h11

Lula, Dilma, Palocci e Mantega viram réus na Justiça Federal por organização criminosa

Em mais um episódio da perseguição judicial ao PT, o juiz Vallisney Oliveira recebe denúncia do MPF contra os quatro

Foto: Ricardo Stuckert

A Justiça Federal em Brasília acatou, nesta sexta-feira (23), denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff, além dos ex-ministros da Fazenda Antonio Palocci e Guido Mantega e o ex-tesoureiro do partido João Vaccari Neto. Todos responderão por crime de organização criminosa, de acordo com informações de André Richter, da Agência Brasil.

O responsável pela decisão foi o juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara. Todos foram acusados pelo MPF de praticar “uma miríade (quantidade grande e indeterminada) de delitos” na administração pública durante os governos de Lula e de Dilma Rousseff, totalizando R$ 1,4 bilhão em desvio de recursos dos cofres públicos, segundo a acusação.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

O caso começou a tramitar no Supremo Tribunal Federal (STF) em 2017. No entanto, foi encaminhado à primeira instância, depois que os acusados deixaram seus cargos e, com isso, perderem foro privilegiado.

“Pelo menos desde meados de 2002 até 12 de maio de 2016, os denunciados, integraram e estruturaram uma organização criminosa com atuação durante o período em que Lula e Dilma Rousseff sucessivamente titularizaram a Presidência da República, para cometimento de uma miríade de delitos, em especial contra a administração pública em geral”, diz o MPF.

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum