Lula: “é hora de construir a união dos setores progressistas”

O ex-presidente voltou a dizer em entrevista que ainda não definiu sua candidatura e não poupou críticas a Bolsonaro: “pobre do partido que ele se filiar”

Publicidade

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou durante entrevista à rádio A Tarde, de Salvador (BA), na manhã desta quarta-feira (20), que é preciso trabalhar para construir a união dos setores progressistas contra o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido).

“Sou defensor da ideia de que é normal que cada partido queira ter seu candidato, mas os setores progressistas podem se unificar em torno da construção de um programa que priorize a questão social”, afirmou.

Publicidade

Lula voltou a dizer que ainda não definiu sua candidatura. Para ele, “não é momento de priorizar as eleições de 2022. Ainda estamos nos recuperando de uma pandemia que ceifou a vida mais de 600 mil pessoas, deixou milhares de órfãos. A fome e o desemprego castigando a vida do povo. Vou deixar pra definir candidatura lá pra fevereiro/março”.

Com relação ao fato de Bolsonaro se aproveitar eleitoralmente do programa Auxílio Brasil, o ex-presidente disse que o povo precisa e isso é problema dele. “Tô vendo o Bolsonaro dizer agora que vai dar R$ 400 de auxílio. Tem gente dizendo que é auxílio eleitoral, que não podemos aceitar. Não penso assim. O PT defende um auxílio de R$ 600 desde o ano passado. O povo precisa. Ele tem que dar. Se vai tirar proveito disso, problema dele”, completou.

Publicidade
Publicidade

“Bolsonaro não é homem de partido político. Ele tá atrás de uma legenda de aluguel. Porque se depender da truculência dele, ele seria candidato avulso. Pobre do partido que ele se filiar”, comentou.

Lula lembrou ainda que “Bolsonaro falava que não ia se subordinar ‘à velha política’. Ele era o velho, falando que ia construir o novo… A novidade é que hoje temos o Orçamento do Relator, que envolve R$ 20 bilhões, pra fazer o que?! Dar emendas na perspectiva de ganhar voto. Essa é a nova política?!”, encerrou.

Publicidade
Publicidade
Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.