Lula saúda coragem e exemplo do Chile em derrotar Constituição de Pinochet

“A América Latina resiste e começa a escrever uma nova página de sua história. Parabéns, povo chileno!”, escreveu Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva saudou, através de sua conta do Twitter, na manhã desta segunda-feira (26), “a coragem e o exemplo do Chile, que ontem derrotou na força do voto a Constituição ditatorial de Pinochet”.

Lula disse ainda que “a América Latina resiste e começa a escrever uma nova página de sua história. Parabéns, povo chileno!”

“Saúdo a coragem e o exemplo do Chile, que ontem derrotou na força do voto a Constituição ditatorial de Pinochet. A América Latina resiste e começa a escrever uma nova página de sua história. Parabéns, povo chileno!”

Ampla maioria

Depois de eleições com baixa adesão de voto da população, o povo chileno tomou uma decisão importante para dar início a um novo ciclo na democracia do país: mais de 14 milhões de pessoas participaram do plebiscito neste domingo (25) e decidiram, com ampla maioria dos votos, enterrar de uma vez por todas a Constituição de 1980 instaurada pelo ditador Augusto Pinochet e que perdurava até então.

Às 22h30, 76% das urnas já haviam sido apuradas e o resultado é irreversível: 78,12% pela criação de uma nova Constituição, contra 21,88% pela manutenção da atual Carta Magna. Os números superaram as previsões de pesquisas.

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.