Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
10 de março de 2020, 20h15

Maia atribui ‘pibinho’ a conflitos de Bolsonaro com o Congresso

"Esse 1,5% que perdemos, uma parte tem relação a falta de harmonia entre os poderes", declarou o presidente da Câmara

Bolsonaro e Rodrigo Maia (Arquivo)

O presidente da Câmara dos Deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) comentou nesta terça-feira (10) sobre a dificuldade do país em engatar um crescimento econômico. Para ele, o problema é político e envolve os atritos do presidente Jair Bolsonaro com o Legislativo.

“Dos 2,5% [expectativa inicial do PIB], esse 1,5% que perdemos uma parte disso tem relação com o meio-ambiente, na falta de harmonia entre os poderes. Isso sem dúvida nenhuma acontece”, declarou o parlamentar em entrevista a Guilherme Mazieiro, do Uol.

Para Maia é “obvio” que os conflitos, segundo ele se mantêm este ano, geram insegurança e afetam o crescimento. “Certamente tiveram parte de culpa na queda da projeção do investimento, no resultado final do investimento”, acrescentou o parlamentar.

O último conflito do presidente com o Legislativo tem a ver com as manifestações do dia 15 de março. Convocados por apoiadores, os atos possuem pautas contra o Congresso e o STF.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum