Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de julho de 2018, 14h32

Maia desiste e Centrão oficializa apoio a Alckmin

PP, PR, PRB, DEM e Solidariedade oficializaram nesta quinta o apoio à candidatura tucana e Alckmin adotou tom "conciliador" em discurso durante a reunião que selou o apoio ao tucano

Os partidos do chamado Centrão (PP, PR, PRB, DEM e Solidariedade) oficializaram nesta quinta-feira, 26, o apoio à candidatura de Geraldo Alckmin à Presidência da República. Em discurso durante a reunião que selou o pacto, Alckmin criticou o “populismo e do autoritarismo”.

O tucano disse não ter pressa na definição do vice na chapa, enfatizando que a data limite para essa definição é 4 de agosto – dia da Convenção Nacional do PSDB. Nesta quinta (27), a Polícia Federal deflagrou a 10ª fase da Operação Zelotes, na qual apura desvios no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais do Ministério da Fazenda (Carf).

Um dos alvos da operação é o economista Roberto Gianetti da Fonseca, idealizador de uma proposta batizada com o nome de “Manifesto Compromisso da Força Centro Democrático”, cujo objetivo é mostrar que o tucano propõe um novo modelo de governança. Perguntado sobre a operação, Alckmin desconversou e disse que Giannetti não faz parte da campanha, ainda que sempre estivesse ligado ao PSDB.

O líder do DEM, o prefeito de Salvador, ACM Neto, disse não ser possível apoiar um candidato “querendo genuinamente votar em outro”. A fala é uma referência à indefinição do bloco, que, nas últimas semanas, chegou a negociar com Ciro Gomes (PDT). ACM Neto leu uma carta de Rodrigo Maia anunciando sua desistência da eleição. A desistência de Maia foi relevante para que o Centrão fechasse com Alckmin.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum