Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de setembro de 2019, 19h50

Maioria da população se opõe à privatização de estatais, defendida por Paulo Guedes

Porcentagem dos que defendem privatizações despencou de dezembro até agosto; Petrobras pública é defendida pela maioria dos brasileiros

Foto: Ana Maria Miranda

Apesar da iniciativa do governo Bolsonaro em promover a venda de estatais a partir das orientações do ministro da Economia, Paulo Guedes, um levantamento do Datafolha aponta que a população brasileira não está de acordo com os planos. Segundo a pesquisa, divulgada nesta segunda-feira (8), 67% dos brasileiros são contrários às desestatizações e apenas 25% se diz favorável.

Em comparação com pesquisa do instituto realizada em dezembro e divulgada em janeiro, o número de favoráveis às privatizações despencou, indo de 36% para 25%, enquanto os contrários subiu de 60% para 67%. A pesquisa foi feita em meio ao plano do governo Bolsonaro de conceder 15 estatais à iniciativa privada, entre elas, a Eletrobras, os Correios e a Casa da Moeda.

A Petrobras, que não aparece no plano de Guedes, mas tem sido alvo de um desmonte de suas subsidiárias, aparece como a empresa que os brasileiros mais defendem. Apenas são 27% a favor da privatização, enquanto 65% são contra. Os bancos públicos vêm logo em seguida, com 29% favoráveis e 65% contrários.

A privatização dos Correios, que Guedes e Bolsonaro mais defendem a venda, aparece com a reprovação ligeiramente mais baixa, com 33% a favor e 60% contra.

A aprovação das privatizações só supera a reprovação entre pessoas com renda acima de dez salário mínimos (50%), empresários (51%) e simpatizantes do PSL (67% a favor e 27% contra). Entre os que votaram em Bolsonaro em 2018, a maioria é contrária (36% a favor e 56% contra).

A pesquisa foi realizada nos dias 29 e 30 de agosto e ouviu 2.878 pessoas em 175 municípios de todas as regiões do país. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum