Fórumcast, o podcast da Fórum
08 de setembro de 2019, 14h41

Malafaia tem chilique nas redes após Toffoli pôr fim à censura a gibi com beijo gay

"O STF e a PGR acabam de dizer , está liberada toda a safadeza contra as crianças . Tenham certeza! Vão pagar uma conta altíssima diante de Deus (SIC)", tuitou Malafaia, junto com vídeo em que aparece visivelmente alterado

Malafaia durante visita a Bolsonaro no hospital Albert Einstein (Arquivo)

Apoiador de Jair Bolsonaro, o pastor Silas Malafaia teve um chilique nas redes sociais depois da decisão deste domingo (8) do ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), de derrubar a liminar emitida pelo desembargador Claudio de Mello Tavares, presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) que permitia a apreensão de livros na Bienal do Rio de Janeiro.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“VERGONHA TOTAL! Presidente do STF concorda com a barbárie da procuradora geral . ESTÁ LIBERADO NO BRASIL O CRIME CONTRA AS CRIANÇAS EM NOME DE UMA PSEUDA LIBERDADE DE EXPRESSÃO. Rasgaram a CF,ECA E O CÓDIGO PENAL. É uma aberraçao sem precedentes na história do Brasil.VERGONHA!”, tuitou Malafaia.

Na sequência, ele publicou vídeo visivelmente transtornado em que parabeniza o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), pela tentativa de imposição da censura e culpa a mídia, em especial a Rede Globo, por “manipular a informação”.

“O STF E A PGR acabam de dizer , ESTÁ LIBERADA TODA A SAFADEZA CONTRA AS CRIANÇAS . Tenham certeza! Vão pagar uma conta altíssima diante de Deus. Guardem esse Twitter , o tempo vai mostrar o que eu estou falando. Segundo o STF e a PGR , NÃO EXISTEM LEIS PARA PROTEGER CRIANÇAS”, publicou em outro tuíte.

Cruzada de Crivella
A cruzada de Crivella para censurar a HQ “Vingadores – A Cruzada das Crianças”, começou na quinta-feira (5), quando determinou que o livro deveria ser retirado das prateleiras. Diante da negativa da Bienal, Crivella enviou censores ao local, mas o Tribunal de Justiça do Rio, em decisão liminar, impediu a prefeitura de apreender livros e cassar o alvará do evento.

Neste sábado (7), no entanto, o desembargador Claudio de Mello Tavares suspendeu a liminar em favor de Crivella, determinando que obras que ilustram o tema da homossexualidade atentam contra o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), e, portanto, devem ser comercializadas em embalagens lacradas, com advertência sobre o seu conteúdo.

Para o decano do STF, Celso de Mello, “mentes retrógradas e cultoras do obscurantismo e apologistas de uma sociedade distópica erigem-se, por ilegítima autoproclamação, à inaceitável condição de sumos sacerdotes da ética e dos padrões morais e culturais que pretendem impor, com o apoio de seus acólitos, aos cidadãos da república”.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum