Fórumcast, o podcast da Fórum
28 de outubro de 2018, 19h53

Manuela D’Ávila: “A tristeza tem que se transformar rapidamente em resistência”

Manuela lembrou o poema “Mãos Dadas”, de Carlos Drummond de Andrade

Foto: Facebook

Assim que foi confirmada a vitória de Jair Bolsonaro (PSL), Manuela D’Ávila (PCdoB), candidata a vice de Fernando Haddad (PT), postou nas redes sociais: “É justo que fiquemos tristes e preocupados, com a gente, com os nossos, com o Brasil. Mas a tristeza tem que se transformar rapidamente em resistência”, escreveu.

Manuela lembrou ainda o poema “Mãos Dadas”, de Carlos Drummond de Andrade:

“O presente é tão grande, não nos afastemos
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas”

Leia a mensagem na íntegra abaixo:

Perdemos, é justo que fiquemos tristes e preocupados, com a gente, com os nossos, com o Brasil. Mas a tristeza tem que se transformar rapidamente em resistência. 
O espírito desses últimos dias, nos quais milhares foram pras ruas pra virar votos de um modo tão bonito precisa se manter e se multiplicar. 
Eles venceram, mas a luta vai continuar. 
Vamos permanecer juntos, resistir e defender a democracia e a liberdade.
Como diria Drummond: 
“Não serei o poeta de um mundo caduco
Também não cantarei o mundo futuro
Estou preso à vida e olho meus companheiros
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças
Entre eles, considero a enorme realidade
O presente é tão grande, não nos afastemos
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas”


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum