Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
02 de abril de 2019, 22h21

Marco Aurélio ironiza Toffoli e diz que não aceitaria adiar julgamento sobre 2ª instância

Ministro relembrou o fato de que o presidente do STF derrubou liminar concedida por ele, no final de 2018, liberando presos após condenação em 2ª instância: “Ele demonstrou muita autonomia”

Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Marco Aurélio Mello, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) mandou, nesta terça-feira (2), um recado ao presidente da Corte, seu colega Dias Toffoli. Mello afirmou que não aceitaria o pedido do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para adiar o julgamento do processo sobre prisão depois de condenação em segunda instância, marcado, inicialmente, para a próxima semana.

“O pedido foi endereçado ao presidente. Se viesse a mim, fatalmente eu não adiaria”, declarou o ministro. Ele já demonstrou em outras oportunidades ser favorável a que condenados possam aguardar em liberdade até o trânsito em julgado.

Autonomia

Segundo Mello, a análise do pedido de adiamento cabe ao presidente da Corte, que é responsável pela pauta. Ele, inclusive, ironizou o colega, se referindo à decisão de Toffoli que derrubou liminar concedida por ele, no final de 2018, liberando presos depois de condenação em segunda instância. “Ele (Toffoli) tem autonomia. Ao término do ano passado, ele demonstrou muita autonomia”, disparou.

Existem três ações em trâmite no STF. Todas pedem que a Corte não permita a prisão em segundo grau, e que condenados só possam ser detidos depois do trânsito em julgado.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum