Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
28 de setembro de 2018, 09h34

Matéria-bomba da Veja faz hashtag #BolsonaroNaCadeia explodir nas redes

Ex-mulher de Bolsonaro o acusou de furto de cofre, ocultação de bens à Justiça Eleitoral, “comportamento agressivo” e "desmedida agressividade"

Capa da Veja. Foto: Divulgação

De acordo com matéria de capa da revista Veja, antecipada para esta quinta-feira (28), a ex-mulher do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), Ana Cristina Siqueira Valle, o acusa de furto de cofre, ocultação de bens e relatos de “comportamento explosivo” e “desmedida agressividade”. Por conta da matéria, a hashtag #BolsonaroNaCadeia está bombando nas redes desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (28).

As informações constam de um processo de cerca de 500 páginas obtido pela revista.

No documento, Ana Cristina Siqueira Valle acusou seu ex-marido de ocultar milhões de reais em patrimônio pessoal na prestação de contas à Justiça Eleitoral em 2006, quando foi candidato a deputado federal —e eleito em seguida.

A revista diz ainda que Ana Cristina acusou Bolsonaro de furtar US$ 30 mil e mais R$ 800 mil —sendo R$ 600 mil em joias e mais R$ 200 mil em dinheiro vivo— de um cofre que ela mantinha em agência do Banco do Brasil, em 26 de outubro de 2007. O caso foi registrado em boletim de ocorrência na 5ª Delegacia de Polícia Civil, no mesmo dia.

As acusações da ex-mulher vão ainda mais longe. Ana Cristina diz que a renda mensal do deputado na época chegava a R$ 100 mil. Para tal, Bolsonaro recebia “outros proventos” além do salário de parlamentar —à época, segundo a Veja, de R$ 26,7 mil como parlamentar e outros R$ 8.600 como militar da reserva. Ela não especificou quais seriam as fontes extras.

Em janeiro deste ano, a Folha mostrou o aumento de patrimônio registrado por Bolsonaro e seus filhos —e como adquiriu imóveis por preços abaixo do valor de mercado.

Veja abaixo alguns comentários no Twitter:

Com informações da Folha


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum