Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de janeiro de 2020, 18h39

“Melhor Enem de todos”: Estudantes denunciam problemas no Sisu

A hashtag #ErroNoSisu ocupou o topo das Tendência do Twitter após novos problemas no processo de seleção para o ingresso em universidades

O ministro Abraham Weintraub - Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Pelas redes sociais, diversos estudantes expuseram um problema que está acontecendo nos servidores do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação (MEC). Relatos apontam que as notas de corte estão elevadas em razão de um erro que faz com que estudantes apareçam como selecionados em mais de um curso.

A hashtag #erronosisu ficou em primeiro lugar nas Tendências do Twitter na tarde desta sexta-feira (24) por conta da grande mobilização de estudantes que criticaram o sistema que usa as notas do Enem para selecionar ingressantes nas universidades. O caso acontece em meio aos inúmeros erros identificados nas correções do Exame Nacional do Ensino Médio. O MPF chegou a pedir a suspensão do Sisu, do ProUni e do Fies – os três são baseados nos graus obtidos no Enem.

“Meu primeiro tweet e é pra reclamar do ERRO NO SISU 2020. Notas de corte nas alturas porque as pessoas estão sendo aprovadas em DOIS CURSOS AO MESMO TEMPO. E não, não era para isso acontecer”, publicou o youtuber Umberto Mannarino.

Esse erro, que não estava acontecendo no início da seleção, impactou as notas de corte. “Eu simplesmente cai mais de 30 colocações porquê vocês colocaram a segunda opção como válida, isso é básico mano, como q vcs faz isso com o estudante”, relatou o estudante Celso.

“Gente!!! quem achou a nota de corte muito alta ontem, foi OUTRO ERRO DO SISU, as pessoas estão sendo aprovadas nas duas opções de curso”, alertou a estudante Karen.

Outros problemas também foram relatados através da tag. “Teve um momento que Sisu ZEROU MINHA NOTA esse site tá uma palhaçada”, denunciou a estudante Rita, que postou prints da plataforma.

A União Nacional dos Estudantes se manifestou através das redes sociais criticando os problemas e pedindo a saída do ministro Abraham Weintraub. “Não dá mais pra aceitar o Abraham Weintraub no cargo de Ministro da Educação. É uma negligência sem precedentes. Junto com a denúncia do #erronoenem e #erronosisu vamos levantar a tag #ForaWeintraub. E vamos nos preparar para ir às ruas!”, publicou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum