Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
16 de novembro de 2019, 20h33

Michel Temer pede que “amigos do MBL” liderem um processo para acalmar o país

No entanto, o próprio MBL se reconhece como um dos responsáveis por "abrir a caixa de Pandora de um discurso polarizado" no país

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O ex-presidente Michel Temer (MDB) foi um dos principais convidados a discursar no 5º Congresso Nacional do Movimento Brasil Livre (MBL), neste sábado (16). No evento, Temer pediu que o movimento liderasse um processo de pacificação do país para equilibrar a “polarização”.

“O MBL poderia, com essa juventude toda, com natural entusiasmo, encabeçar um movimento pela tranquilização do país”, afirmou no segundo dia de evento. No entanto, o próprio MBL se reconhece como um dos responsáveis por “abrir a caixa de Pandora de um discurso polarizado” no país.

O ex-presidente ainda elogiou o atual governo de Jair Bolsonaro, mesmo com seus “discursos polêmicos”, e afirma que o atual presidente “está dando sequência” a seu governo.

“Ele está indo bem, fazendo o que os anteriores não fizeram. É costume destruir tudo o que não fez, mas ele está dando sequência ao que fiz. O governo vai bem. Precisa dar mais tempo ao governo Bolsonaro”, afirmou.

Neste ano, Temer esteve preso por duas ocasiões em ação ligada à Lava Jato. Durante o evento, ele voltou a criticar a prisão e se referiu a ela mais de uma vez como “sequestro”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum