Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de outubro de 2019, 13h07

Ministro do Turismo constata limpeza de Porto de Galinhas. O óleo, no entanto, nunca chegou por lá

Ele acrescentou ainda que “é importante ressaltar o voluntariado de pessoas, onde esse conjunto de ações e esforços deu agilidade na limpeza”

Foto: MTur

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro, sobrevoou de helicóptero o litoral de Pernambuco nesta sexta-feira (25), para verificar a situação das praias. Ele desceu em Porto de Galinhas, ficou descalço e chegou a pisar no mar.

No local, o ministro afirmou que Porto de Galinhas “está completamente apto a receber os turistas”. Marcelo Álvaro tem mesmo toda a razão. Porto de Galinhas está limpo porque o óleo nunca chegou por lá. No litoral Sul do estado, as praias de Ipojuca e Porto de Galinhas nunca foram afetadas. Apenas as de Cupe e Serrambi sofreram com a chegada do óleo.

No rastro do crime ambiental nas praias do Nordeste: Ajude a Revista Fórum a mergulhar na realidade dessa grande tragédia

“O sobrevoo foi muito esclarecedor. As praias estão limpas e os banhistas estão frequentando normalmente sem problemas. Porto de Galinhas está completamente apto a receber os turistas”, destacou o ministro.

Ele acrescentou ainda que “é importante ressaltar o voluntariado de pessoas, onde esse conjunto de ações e esforços deu agilidade na limpeza”.

Ministro indiciado

Marcelo Álvaro Antônio, deputado federal mais votado em Minas Gerais, foi coordenador no estado da campanha presidencial de Bolsonaro.

ministro foi indiciado pela Polícia Federal e denunciado pelo Ministério Público de Minas Gerais no início do mês sob acusação dos crimes de falsidade ideológica eleitoral, apropriação indébita de recurso eleitoral e associação criminosa —com pena de cinco, seis e três anos de cadeia, respectivamente. Ele nega irregularidades.

Com informações da Folha de Pernambuco


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum