Ministro Marco Aurélio desmente boato de que passou mal no STF

Fake news foi divulgada nas redes sociais pelo repórter Daniel Adjuto, do SBT

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou a informação de que teria passado mal na manhã desta quinta-feira (17) a ponto de ser levado de cadeira de rodas ao posto médico da Corte. A informação foi divulgada nas redes sociais pelo repórter de Daniel Adjuto, do SBT, e reproduzida pelo jornal Correio Braziliense.

Segundo o assessor do ministro, Marco Aurélio ficou espantado com a notícia e não tinha a menor ideia de onde veio. Ainda de acordo com o assessor, foi um colega de gabinete do ministro que teve mal-estar. O DCM também entrou em contato com o ministro, que riu quando soube da notícia. “Está sendo divulgado isso, é? Estou aqui no meu escritório e estou bem”, disse.

Em breve o Supremo deve iniciar o julgamento de três Ações Diretas de Constitucionalidade (ADCs) que tratam da prisão em segunda instância, das quais Marco Aurélio é relator.

Aos 73 anos, Marco Aurélio é um dos ministros que está há mais tempo na Corte. Ele está no Supremo desde 1990, quando foi nomeado pelo ex-presidente Fernando Collor de Melo.

A Fórum havia informado anteriormente que o ministro Marco Aurélio Mello passou mal e que foi levado ao posto médico do STF, conforme foi divulgado pelo repórter de Brasília, Daniel Adjuto. No entanto, recebemos a informação de que se tratava de fake news. Ao ligar para o gabinete do ministro, confirmamos que a notícia estava errada. Esta nota foi atualizada no dia 17/10/2019 às 12h30.

 

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR