Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
01 de julho de 2019, 19h21

Miriam Leitão é alvo de fake news espalhada por milícias digitais

Segundo mensagem que está correndo nas redes sociais, a jornalista perderia a indenização de R$ 27 mil mensais por ter sido presa política; ela não está entre as pessoas que recebem o benefício na condição de anistiada

Foto: Reprodução/TV Globo

A jornalista Miriam Leitão, da GloboNews e do jornal O Globo está sendo vítima de fake News espalhada por milícias digitais. Segundo mensagem que está correndo nas redes sociais, ela perderia a indenização por ter sido presa política.

De acordo com as notícias falsas, Miriam, que receberia R$ 27 mil mensais, teria o pagamento suspenso. O próprio Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos desmentiu.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

A informação correta é que a jornalista “não está entre os que recebem o benefício mensalmente na condição de anistiado”.

Ela também não está na relação de beneficiados pela lei 10.559. Apesar de ter direito a receber a indenização, por ter sido torturada nos anos da ditadura militar, Miriam nunca pediu para receber o dinheiro.

Com informações do Catraca Livre


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum