Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de janeiro de 2020, 08h24

Moro: “Como é difícil mudar a percepção sobre corrupção”

Moro sofre, neste momento, mais um processo de fritura no governo

Moro e Bolsonaro - Foto: Marcos Corrêa/PR

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, compartilhou matéria em sua conta do Twitter, nesta sexta-feira (24), sobre o avanço do Brasil no Índice de Percepção da Corrupção (IPC). Nos comentários, ele afirma que “indicadores da Transparência Internacional mostram como é difícil mudar a percepção sobre corrupção”.

Moro disse ainda que a “nota no Brasil não melhorou nos últimos anos apesar dos avanços da Lava Jato e de 2019. Isso significa que precisamos fazer muito mais, inclusive no Congresso”.

Ao final, ele considera como “um primeiro passo fundamental é retomar a execução da condenação em segunda instância por emenda constitucional ou por lei ou por ambos. Só assim condenados por corrupção podem ser, na prática, punidos”.

Chateado

Moro sofre, neste momento, mais um processo de fritura no governo. O presidente Jair Bolsonaro articula para recriar a pasta de Segurança Pública. O objetivo é tirar os poderes do ministro na pré-campanha ao Planalto em 2022.

Sergio Moro teria confidenciado a pessoas próximas que está chateado e arrumando as gavetas, caso os planos do chefe para ele se concretizem.

A informação que Moro deve deixar o governo caso Bolsonaro realmente divida seu “super ministério” foi antecipada na noite desta quinta-feira (24) pelo Jornal Nacional, que tem relações íntimas com o ex-juiz. Nesta sexta-feira (25), Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo, confirmou a informação, atribuindo a pessoas próximas ao ministro.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum