Fórumcast, o podcast da Fórum
28 de junho de 2017, 12h39

Moro se nega a soltar Vaccari e alega outra condenação

Após decisão de segunda instância que absolveu ex-tesoureiro do PT, juiz de Curitiba alega outra prisão temporária para manter Vaccari preso. Leia documento

 

Por Redação   Foto: Lula Marques / AGPT

 

Após ser absolvido por tribunal de segunda instância por falta de provas, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari permanecerá preso em Curitiba.  Em despacho ontem, o juiz Sérgio Moro manda dar baixa da prisão anterior, mas alega que existe outra prisão preventiva decretada por ele e que por isso Vaccari deve continuar detido. A estratégia de Moro, desde que começou a Lava Jato, é decretar série de prisões preventivas e jogar a chave do presídio fora de maneira irregular perante a legislação brasileira.

Na decisão de ontem, ele expede alvará de soltura em relação ao processo julgado no TRF-4, mas ordena deixar Vaccari preso.

“Consigne-se que, não obstante, ele não deverá ser colocado em liberdade, eis que vigente a prisão preventiva contra ele decretada no bojo da ação penal 700002932303 e que está baseada em outras provas.

Veja também:  Presidente do PDT critica projeto de Tabata Amaral e sugere que ela funde seu próprio partido

 

Leia o despacho:


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum