sábado, 24 out 2020
Publicidade

Mourão diz que “está trabalhando” para ser vice de Bolsonaro em 2022

O vice-presidente ainda considerou que é possível que o presidente coloquei outro em seu lugar em uma eventual candidatura à reeleição

O vice-presidente Hamilton Mourão não parece disposto a perder a posição de vice-presidente tão fácil. Em entrevista à rede CNN Brasil, no sábado (12), ele afirmou que pretende se candidatar à reeleição ao lado do presidente Jair Bolsonaro, apesar da relação não parecer tão boa nos bastidores do Planalto.

“Estou trabalhando pra isso. Venho apoiando todas as iniciativas do presidente, venho procurando facilitar o caminho dele, sendo leal para todas as coisas que ele necessita. Então, se ele desejar minha companhia para 2022, marcharemos de passo certo”, afirmou Mourão em entrevista aos jornalistas Caio Junqueira e Renata Agostini, do O Ponto.

Segundo Mourão, uma reeleição seria “o prolongamento dessa tarefa de assentar as bases para que o Brasil tenha um futuro melhor”. “A gente conseguir terminar todas as reformas que tem que ser terminadas, de modo que livre o país dessa carga burocrática, de excesso de regulamentação, de um sistema tributário complicado, a questão administrativa que custa muito à nação”, completou.

O vice-presidente ainda considerou que é possível que ele fique sem a vice em razão da aproximação do presidente com o centrão, mas disse que a decisão compete a Bolsonaro. “Não vou sair chorando, de beicinho. ‘Não me quis mais’. Não é assim que funciona. Volto a dizer: entrei nesse projeto por acreditar em objetivos maiores. Se ele tiver que escolher outra pessoa que possa dar sustentação maior para a próxima eleição, é Brasil. Vamos em frente”, finalizou.

Mourão, que comanda o Conselho da Amazônia, ainda voltou a defender a criticada política ambiental do governo Bolsonaro.

Lucas Rocha
Lucas Rocha
Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.