Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
06 de dezembro de 2019, 14h50

MPF arquiva representação contra Deltan Dallagnol e Thaméa Danelon

Procuradores foram acusados de terem colaborando ilegalmente no pedido de impeachment do ministro do STF, Gilmar Mendes

Foto: Reprodução/YouTube

A corregedora-geral do Ministério Público Federal (MPF), Elizeta Maria de Paiva Ramos, arquivou nesta sexta-feira (6) a representação contra os procuradores da Lava Jato Deltan Dallagnol e Thaméa Danelon, acusados de terem colaborando ilegalmente com o advogado Modesto Carvalhosa no pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes.

As suspeitas sobre os procuradores vieram à tona após a divulgação de diálogos pela Vaza Jato, em que Danelon afirma que advogado pedia ajuda para escrever a peça jurídica pedindo o impeachment do ministro.

Em sua decisão, a corregedora diz que não encontrou elementos para concluir que houve infração pelos procuradores, e que os diálogos divulgados eram insuficientes como provas. “Há de se notar a ausência de elementos probatórios mínimos aptos a sustentar o indigitado desvio funcional”, escreveu.

A representação foi feita junto ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) pela Associação Brasileira de Juristas pela Democracia, que apontou desvio funcional.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum