Fórumcast #20
22 de março de 2019, 09h59

“Não têm credibilidade”, diz Bolsonaro sobre pesquisas após popularidade despencar 15% em dois meses

Pesquisa Ibope revelou que o índice de quem considera a gestão de Bolsonaro boa ou ótima caiu de 49% em janeiro para 34% em março

Bolsonaro desembarca no Chile (Divulgação/PR)

Reportagem dos jornalistas Daniel Weterman e Ricardo Galhardo, na edição desta sexta-feira (22) do jornal O Estado de S.Paulo, informa que o presidente Jair Bolsonaro (PSC) declarou não estar preocupado com o fato de a avaliação positiva de seu governo ter despencado 15% em apenas dois meses. Segundo ele, pesquisas “não têm credibilidade”.

A frase foi dita na quinta-feira (21) durante viagem ao Chile, onde Bolsonaro foi rejeitado por líderes congressistas, que se recusaram a participar de almoço com o presidente brasileiro.

Um dia antes, pesquisa realizada pelo Ibope revelou que o índice de quem considera a gestão de Bolsonaro boa ou ótima caiu de 49%, computados em janeiro, para 39% em fevereiro, chegando a 34% em março.

O percentual é o menor registrado nos três primeiros meses de primeiros mandatos presidenciais, desde Fernando Henrique Cardoso (PSDB) passando por Lula (PT)e Dilma Rousseff (PT).

No caso de Lula, o índice apurado foi maior neste período da gestão, inclusive em sua segunda passagem pelo Palácio do Planalto.

Veja também:  Fórum Onze e Meia I Receita e PGR na mira: Até quando elite e Globo vão deixar Bolsonaro aparelhar o Estado?

Mais protestos e senso comum
Neste sábado (23), Santiago deve ser palco de protestos convocados contra o presidente brasileiro, que se encontrará com o chileno, Sebastian Piñera.

Bolsonaro minimizou, dizendo que manifestações contrárias a ele ocorrem em todos os lugares e, mais uma vez, partiu para o senso comum recorrente de sua retórica.

“Essas pessoas que reclamam hoje acho que eles não queriam que o Brasil caminhasse para a situação que se encontra a nossa Venezuela, onde o povo luta bravamente para se libertar das garras da ditadura.”

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum