Fórumcast, o podcast da Fórum
10 de julho de 2019, 18h47

Nervosa e lendo um texto, Tabata Amaral tenta justificar seu voto a favor da reforma da Previdência de Bolsonaro

Deputada toma a decisão mesmo sabendo que pode ser expulsa do PDT; ela teria, inclusive, sido informada disso por Carlos Luppi

Foto: Reprodução

Visivelmente nervosa e lendo um texto, a deputada federal Tabata Amaral (PDT-SP) publicou um vídeo nas redes sociais, com o objetivo de tentar justificar seu voto favorável à reforma da Previdência, elaborada pelo governo de Jair Bolsonaro.

“Meu voto pela reforma da Previdência é um voto de consciência. Não é um voto vendido, não é um voto por dinheiro de emendas. É um voto que segue as minhas convicções e tudo que estudei até aqui”, diz ela.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

“Ao tomar essa decisão, eu olho para o futuro do país e não para o próximo processo eleitoral. Quem me conhece, sabe da minha luta pelos mais pobres. Sabe da minha trajetória. Hoje a Previdência tira dinheiro de quem menos tem e transfere para os mais ricos”, prossegue.

Em outro trecho, ela afirma: “Ser de esquerda não pode significar que a gente vai ser contra um projeto que de fato pode tornar o Brasil mais inclusivo e mais desenvolvido”, declara.

Tabata toma a decisão mesmo sabendo que pode ser expulsa do PDT. O próprio Carlos Luppi, presidente do partido, teria informado isso a ela.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum